domingo, 30 de agosto de 2009

Marina Silva e o maribondinho de fogo verde


A senadora e ambientalista Marina Silva se filiou neste domingo ao Partido Verde (o saco de gatos), sigla pela qual deverá se candidatar à presidência de Republica, ano que vem. Marina, umas das mais atuantes senadoras deste Brasil varonil, deixou o Partido dos Trabalhadores (PT) por entender que ele perdeu a vergonha na cara e os princípios ideológicos.


Até aí tudo bem. Concordo com ela em número, gênero e grau. Entretanto, é bom salientar que a senadora terá no seu convívio partidário nada mais nada menos que o maribondinho de fogo Zequinha Sarney, o chefão dos verdes na Câmara Federal. De qualquer forma, como sou também escravo do personalismo político, ela me é uma opção muito simpática. “Eu tenho uma relação com o PV desde a época do Chico Mendes”, disse a senadora. Mais.


Foto: Valéria Gonçalvez/ AE.