domingo, 13 de dezembro de 2009

Net da Paz

internet for peace   clave do sul Um grupo de artistas, ativistas e cientistas juntou-se num manifesto para pedir que o próximo Prêmio Nobel da Paz seja atribuído à Internet. A iniciativa já conta com uma página específica (clique aqui), onde qualquer pessoa pode apoiar esta inciativa. O estilista Giorgio Armani, a ativista Shirin Ebadi, que recebeu o Nobel da Paz em 2003, e o cientista Umberto Veronesi são alguns dos nomes que defendem essa ideia.

Riccardo Luna, redator-chefe da edição italiana da revista “Wired”, foi o propulsor da ideia que teve nas eleições do Irã a sua inspiração, quando milhares de iranianos se manifestaram, em junho último, contra a vitória de Ahmadinejad através de blogues e do Twitter.

“Finalmente nos demo conta que a Internet é muito mais do que uma rede de computadores. É uma interminável rede de pessoas. Homens e mulheres de qualquer ponto do Globo estão ligados uns aos outros, graças à maior rede social que conheceu a Humanidade”, diz o manifesto.

Os organizadores desta petição entendem que o contato entre pessoas, o diálogo, o debate e a comunicação sempre foram o “antídoto mais eficaz” para evitar o ódio e o conflito, o que faz da Internet uma “ferramenta de paz”. “E é por isso que o próximo Prêmio Nobel da Paz deve ir para a Rede. Um Nobel para cada um de nós”, complementa o manifesto. Fonte: Público (PT).