quinta-feira, 8 de julho de 2010

Hermano argentino quer criar o Dia do Filho da Puta

linha fina

Esta é a proposta de um sindicalista de nuestros muy amables vecinos, cujo sindicado que dirige é o dos desempregados (?).

untitled-1_

Pode ser bizarro, mas é real. O sindicalista Luis D'Elía sugeriu nesta quarta-feira (7) que nuestros hermanitos argentinos celebrem o "Dia do Filho da Puta" a cada 2 de agosto, data do nascimento do ditador Jorge Rafael Videla (foto abaixo), que enfrenta diversos processos por crimes de lesa-humanidade.

orge_Rafael_Videla

D'Elía, que preside um sindicato de desempregados, considerou que o ex-governante Néstor Kirchner (2003-2007) também é "um 'filho da puta'", embora "no bom sentido". Via Olhar Direto.

linha finapalavrao

Se a moda pegar aqui em Pindorama, teremos vários FDP para cada santo do dia. Faltariam dias no pobre calendário gregoriano para agregar tantos políticos tupiniquins. Basta dar uma passada de olhos no Congresso Nacional para confirmar a tese.

coco_thumb[3]

Detalhe: O tal cabrón desta feliz ideia preside um sindicato de desempregados. Desempregados? Sim, desempregados! Dá pra imaginar de como seria uma greve promovida pelo sindicato em questão reivindicando aumento salarial e melhores condições de trabalho? Com certeza, ela teria adesão de 100%. Sugestão de nome para o tal sindicato: Sindicato dos Empregados Desempregados da Argentina. Yo no lo creio!

moscas fazendo sexo Resumo da ópera: lá como cá a merda e as moscas são as mesmas. Só muda a latrina, a urna eleitoral. Estamos jodidos e mal-pagos. Por isso é bom não moscar nas próximas eleições de Pindorama e escolhor melhor nossos representantes políticoa. Caso contrário, a merda continuára a mesma. E nós seremos as moscas de sempre dessa merda.