quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Coca-Cola de Warhol é leiloada por US$ 35 milhões

assinatura

Definitivamente a pop art está em altíssimas nuvens. Obras de Andy Warhol e Roy Lichtensteint faturam milhões em leilões.


A obra “Coca-Cola 4 (A Grande Garrafa)”, de Andy Warhol, foi leiloada ontem (10) por mais 35 milhões de dólares (quase 60 milhões de reais), em um leilão de obras de arte contemporânea e do pós-guerra, organizado pela Sotheby's,  em Nova York.
A peça faz parte de um conjunto de 4 pinturas em que o pai da pop art reproduziu garrafas da bebida.Na segunda-feira, "Men in Her Life" (1962), uma composição em branco e preto com imagens de Elizabeth Taylor e alguns dos homens de sua vida, foi vendido por 63,4 milhões de dólares na casa de leilões Phillips de Pury & Company.

Outro representante da pop art, Roy Lichtenstein, também se tornou a outra grande estela do leilão ao ter o seu trabalho "Ice Cream Soda" (1962) arrematado por 9 milhões de dólares.
A obra, que mostra um copo com refrigerante e sorvete, foi um dos pontos centrais de uma das primeiras exposições dedicadas à pop art, realizada em 1963, no Museu Guggenheim, em Nova York. Além dessas 2 obras, Lichtensteint conseguiu 6 milhões pela "Still Life with Palette" (1972) e 3,8 pela “Two figures, Indian” (1979). (fonte: Público (ES).
  Parece-me que a pop art está em altíssimas nuvens. Um dia após ter 3 de suas obras arrematadas pelo valor total de quase 19 milhões de dólares, o artista americano Roy Lichtensteint, teve a sua obra “Ohhh Alright” vendida ontem (10) por 38 milhões de dólares pela casa de leilões Christie's, em Nova York.

O trabalho mostra o desenho de uma mulher, produzido com sua famosa técnica de benday dots, como se fosse uma personagem de histórias em quadrinhos.

Apesar de Lichtenstein ter sido a grande estrela neste dia de leilão, Andy Warhol não deixou por menos e emplacou mais 16 obras, entre elas destaco:

Como se trata de um leilão de pop art, mão poderia faltar um de seus maiores símbolos: a famosa lata de sopa Campbell, que nesta ocasião conseguiu um preço milionário com a obra “Big Campbell's Soup Can with Can Opener (Vegetable”) (1962), que saiu por US$ 21,2 milhões.

 
Retratos da ex-primeira-dama dos Estados Unidos Jacqueline Kennedy e da atriz Marilyn Monroe foram arrematados no leilão por US$ 3,9 milhões e US$ 1,4 milhão, respectivamente.

 
Entre outros trabalhos, a Christies também vendeu as obras “Campbell's Soup Can (Tomato)” (US$ 8 milhões) e “Dollar Sign” (US$ 4,5 milhões). (fonte: El Mundo (ES).

Além dessas duas pinturas, a Christies também vendeu as obras Campbell's Soup Can (Tomato) (US$ 8 milhões) e Dollar Sign (US$ 4,5 milhões). (fonte: El Mundo (ES).