terça-feira, 29 de novembro de 2011

Ciência: Amanhecer – Parte 1 causa ataque epilético


assinatura post Bem, eu não assisti e portanto não posso dizer nada. Entretanto, uma denúncia sui geniris veio à tona e causou um tremendo rebuliço. Algumas pessoas acusam o vampiresco “Amanhecer - Parte 1” de causar crises epiléticas nas salas de cinema. Veja abaixo o trailer oficial (legendado).

Nos EUA, por exemplo, 2 homens tiveram crises epilépticas durante a cena na qual Bella (Kristen Stewart) dá à luz ao filho do vampiro Edward (Robert Pattinson), que começa a devorá-la por dentro.
Um deles (na Califórnia) foi levado às pressas para o hospital depois de sofrer uma convulsão enquanto assistia ao nascimento do tal vampirinho. "Ele estava convulsionando, bufando e tentando respirar. Fiquei muito assustada", disse a sua namorada.
Como a Ciência está aí pra explicar ou pelo menos tentar explicar quase tudo, vamos a ela então. Segundo o parecer do especialista dr. Michael G.Chez esse fenômeno é cientificamente possível.
“Acena do parto de Bella é repleta de luzes vermelhas, brancas e pretas, que podem provocar episódios de epilepsia fotossensível. Isso por que a luz atinge o cérebro de uma só vez. O problema com os cinemas é que eles são muito escuros e a luz piscando é como uma luz estroboscópica", disse ele.
Enfim, o filme além de arrepiar os mais sensíveis pode também provocar crise de epilepsia. Durma-se com um barulho disse. Eu, hein!? Fonte