quarta-feira, 11 de julho de 2012

As histórias sobre Albert Einstein mostrando a língua


assinatura post A imagem do físico, matemático e filósofo alemão Albert Einstein é conhecida por toda a humanidade. Sua cabeça branca totalmente descabelada e a língua para fora, dando-lhe aquele ar de maluco, tornou-se uma marca nada convencional e ícone da cultura pop.

Mas qual é a origem dessa foto? Entre os biógrafos do gênio, não há consenso. Há quem afirme que o fotógrafo Arthur Sasse, autor da imagem, teria pedido que Einstein sorrisse no dia da comemoração do seu 72º aniversário. O gênio, irritado com a perseguição da imprensa, teria gritado várias vezes: "Basta já!" e em seguida mostrou a língua com a intenção de estragar as fotos.
Mas por outro lado, há quem defenda que a fotografia estaria relacionada a uma campanha antibomba atômica realizada durante a segunda Guerra Mundial. Segundo esta teoria, Einstein solicitou à população que enviasse cartas ao governo alemão para pediro fim das operações nucleares.
Com o objetivo de divulgar a sua campanha, o físico convocou uma coletiva de imprensa. Foi quando um repórter formulou a seguinte pergunta: "O presidente dos EUA nos oferece a paz em troca do uso da bomba. O que o senhor tem a oferecer à população norte-americana em troca da paz?".
Foi então que Einstein, mostrando a língua ao repórter e ao fotógrafo, respondeu: “Ofereço minha língua para que passem nos selos”.
Há outras teorias sobre o fato, mas pouco críveis. No livro “Einstein, o reformulador do universo”, o jornalista Cássio Leite Vieira afirma que o cara gostava tanto da imagem que a autografava e enviava a amigos. Ele teria inclusive teria dito à esposa Frank Aydellote: “A língua de fora revela as minhas posições políticas”. Fonte: Revista Superinteressante e Internet.

2 comentários:

  1. Gostei do poste,é interesante mas esta inompleto sugiro que recoloque porque esta faltando e gostaria de saber o texto todoi. Seu blog é muito bom voltareo
    Obrigada pela visita

    Zém diz:

    Oi, Dione. Creio que a página não foi totalmente carregada em sua máquina, pois não vejo qualquer problema como o texto. Não consigo ter outra explicação. Mistééééééééério.

    Um abraço e grato pelo visita.

Postar um comentário