sexta-feira, 14 de setembro de 2012

Zachary Copfer, onde a ciência e a arte se encontram

einst 1assinatura post O norte-americano Zachary Copfer é microbiologista. Apaixonou-se por ciência porque foi inspirador. Estudar biologia deu-lhe o conhecimento para perceber a complexidade dos sistemas que nos cercam: "Quanto mais eu aprendia, mais ficava confuso”.

E foi com essa atitude que Copfer associou 2 universos fantásticos: a ciência e a arte. Ele combina o processo fotográfico com os procedimentos de microbiologia. E partir daí criou imagens de pessoas famosas.
O processo para positivar as imagens é similar ao realizado quarto escuro tradicional para se revelar foto. Para ter o resultado desejado, o ampliador é substituído por uma fonte de radiação.
Em vez de papel fotográfico, ele utiliza uma placa de Petri , uma bandeja com tampa transparente, ideal para o cultivo de micro-organismos. No fundo desse recepiente, Copfer cria uma emulsão bacteriana que forma una capa uniforme da cor de argila.
“Creio na beleza e na poesia que residem nas teorias tecidas pelos cientistas. Com a unificação da arte e da ciência , estes tesouros podem ser exploradas na íntegra e se tornarem mais acessível ", diz Copfe.
Fonte
darwindavinci picasso instein
As imagens abaixo foram produzidas placas de Escherichia coli geneticamente modificadas.
bacterias 1bacterias bacterias2