terça-feira, 13 de novembro de 2012

Quando o mórbido ganha sensualidade e beleza

Stuntkid _ claveassinatura post Com um viés underground, o ilustrador Jason Levesque, ou simplesmente Stuntkid , é brilho cores e contrastes. Seu pseudônimo tem origem nas diabruras que fazia (ou faz ainda, não sei) sobre as 4 rodas de poliuretano de seu skate.

“Eu estava fazendo um monte de manobras no escritório quando pensei em adotar um pseudônimo. Pensei primeiro em Stuntboy, mas ele já tinha sido adotado, por isso mudei para Stuntkid”, diz ele.
Ele começou desenhando garotas que colocavam suas fotos na internet. Depois partiu para fotografar ele mesmo os modelos que seriam ilustrados. Diz que não tem uma motivação especial para fazer o seu trabalho, situação que o separa dos demais artistas e o coloca na condição exclusiva de ilustrador.
“Como ilustrador, venho com uma ideia pré-concebida do que pretende fazer. Depois procuro a maneira mais eficaz de concretizar o que foi idealizado sob um ponto de vista prático. O tempo todo fico focado no produto final, não na inspiração.”
Enfim, o trabalho de Stuntkid é magnífico e original. Seu mote quase sempre é composto por garotas de visual  ou em situações inusitadas, onde as cores e a sensualidade (muitas vezes mórbida) explodem em nossas retinas e se propagam por todos os nossos sentidos. Fonte
Stuntkid 19Stuntkid 18 Stuntkid 4 Stuntkid 5 Stuntkid 1
Stuntkid 8
Stuntkid 11
Stuntkid 16
Stuntkid 3 Stuntkid 17
Stuntkid 2 Stuntkid 21
Stuntkid 6
Stuntkid 9
Stuntkid 10
Stuntkid 12