quarta-feira, 5 de junho de 2013

Gothic Lolita, os anjos urbanos made in Japan

Gothic Lolita O movimento gótico nasceu no final dos anos de 1970 e início dos 80 na esteira do pós-punk. Como é natural na cultura underground, o que surgiu como simplesmente gothic rock com o passar dos anos foi se subdividindo (rotulado) em gothic punk, old school, medieval, vitoriano, cyber, Lolita...

O visual gothic Lolita (ou  gosurori) nasceu no Japão, final dos anos de 1990, se popularizou rapidamente e vem ganhando adeptos pelo mundo. É curtido geralmente por  adolescentes, que procuram fundir o look Lolita com elementos punks, vitorianos, medievais e glam (*).
Os vestidos são delicados e curtos (um pouco acima do joelho), geralmente nas cores prestas e brancas, o que lhes dá uma aparência angelical, bem próximo de uma boneca de porcelana ou princesa encantada. Ah, a sombrinha é um acessório fundamental. Ou seja, bem diferente da personagem do livro de Vladimir Nobokov.
Ao contrário do Ocidente, as lolitas japonesas não usam o apelo erótico como expressão . Na verdade, elas adotam esse estilo de vida por não querer crescer e consequentemente manter o aspecto infantil e inocente. Seria algo como síndrome de Peter Pan.
(*) O glam rock (ou glamour rock) é um gênero musical conhecido também como glitter rock. Sua origem data do  final dos anos de 1960. Visualmente se caracteriza pela androginia, onde   trajes e performances são bem extravagantes.  Batons, lantejoulas, paetês,  purpurinas, saltos altos e cílios postiços  fazem parte do look básico, além é claro do forte apelo sexual. 
Gothic Lolita 1
Gothic Lolita 2

Gothic Lolita 4
Gothic Lolita 5
Gothic Lolita 6
Gothic Lolita 7
Gothic Lolita 10