domingo, 19 de janeiro de 2014

Bikini bridge, a brincadeira viral que se tornou uma perigosa moda nas redes sociais

bikini bridge 1post A história do “bikini bridge” (biquíni ponte) é a história de como a Internet é capaz de criar verdadeiros monstros. Como o nome diz, trata-se da parte inferior do vestuário feminino praiano que estabelece algo como uma "ponte" entre os 2 ossos do quadril.
Tudo começou quando os usuários da comunidade virtual 4chan resolveram que poderiam lançar facilmente uma nova tendência de moda na internet, com a falsa notícia de que o tal biquíni ponte seria a nova moda do momento entre as mulheres magras e barrigas negativas.
Criaram contas  no Facebook, Instagram, Tumblr, Twitter. Escreveram artigos a favor e contra o biquíni biquíni. Lançaram a hashtag #bikinibridge e começaram a postar fotos e diversos textos.
Resultado: a “nova onda” se tornou rapidamente trending topic e milhares de internautas que não sabiam que se tratava de uma suposta brincadeira entraram de gaiatos na história.
Na realidade, o conceito de “biquíni ponte” existe desde 2009 e é muito utilizado dentro dos fóruns pro-anorexia, segundo informa Katie Lowe,uma blogueira especialista em imagem corporal e saúde.
“O problema é que agora a coisa se tornou global e será muito difícil reverter essa situação. Não tenho a menor dúvida que um grande número de tweets e comentários são de pessoas que não sabem que se trata de uma pegadinha e deverão aderir a essa “moda”, relata Lowe.
Apesar de onda ter surgindo no início de janeiro, ela ainda está bem viva nas redes sociais. No Facebook, por exemplo, tem surgido dezenas de grupos e páginas dando as várias versões do “biquíni ponte”: My Bikini Bridge, Bikini Bridge Lovers, Bikini Bridge Oficial, Hottest Bikini Bridges, L’Arco della felicità... Almgumas delas têm mais de 10 mil likes. O mesmo ocorre com con o Twitter ou Instagram.
Em suma, para muitos, a piada se tornou uma perigosa  realidade. Fonte: