quarta-feira, 26 de março de 2014

Facebook fecha outro grande negócio: compra a Oculus VR, aparelhos de realidade virtual

Oculus Riftpost Ao que parece o Facebook quer ser o dono do mundo ou torne-se o rei das comunicações sociais. Depois de um mês de anunciar a compra do WhatsApp, por 19 bilhões de dólares, a empresa de Mark Zuckerberg fechou outro grande negócio.

Zuckerberg anunciou nesta terça-feira a aquisição da Oculus VR por 2 bilhões de dólares, sendo 400 milhões de dólares pagos em dinheiro e 1,6 de dólares em ações da rede social. A empresa é produtora de aparelhos de realidade virtual.
A negociação também prevê o pagamento de mais 300 milhões de dólares caso certos objetivos sejam atingidos. A expectativa é que a operação seja concluída no segundo trimestre.
Criada em 2012, a empresa desenvolveu o Oculus Rift, um tipo de óxuloa projetado para uma maior imersão em jogos e outros tipos de simulações.
Oculus Rift 1 Esta é a primeira vez que o Facebook adquiriu uma empresa de hardware que ainda vende seus produtos para os consumidores. Sua segunda geração acaba de ser anunciada e tem previsão de lançamento nos próximos meses.
“Nossa missão é tornar o mundo mais aberto e conectado. Nos últimos anos, isso significava principalmente criar aplicativos móveis que nos ajudam a compartilhar com as pessoas que nos importa. Nós temos muito mais a fazer no móbile”.
“Depois de jogos, nós faremos da Oculus uma plataforma para muitas outras experiências. Imagine aproveitar um assento em um jogo, estudar em uma sala de estudantes e professores de todo o mundo ou consultar um médico cara a cara, apenas colocando os óculos em sua casa”, disse Mark Zuckerberg em comunicado no Facebook.