quarta-feira, 2 de setembro de 2015

Alex Chambers , uma nerd que construía robôs e estudava astrofísica vira atração do UFC

Alex Chambers  1Por Zém - A australiana Alex Chambers cursou astrofísica, chegou a montar robôs que lutavam boxe na faculdade, mas preferiu seguir o instinto de lutadora. Neste sábado, pega a sensação Paige Vanzant, uma prova de fogo em seu terceiro combate no UFC.
Chambers, uma nerd assumida de 36 anos, tem apenas 7 lutas no MMA profissional, com 5 vitórias e 2 derrotas. No UFC, perdeu na estreia, mas venceu Kailin Curran em maio, de virada, por finalização. E a idade mostra como ela se dividiu entre as carreiras. As coisas nunca foram fáceis para as mulheres no mundo das lutas, e ela ficou perto da aposentadoria.
Paige VanzantAlex sempre gostou de números. Por isso, na hora de escolher sua faculdade, enredou pelo caminho da física. Na Universidade de Sidney, conseguiu diplomas em ciência e engenharia mecatrônica. Também caminhou pela carreira de astrofísica, com um pé na robótica.
“Ciências sempre foi algo que amei, então, estudei física e matemática na universidade, e a astrofísica foi um dos assuntos que me interessou”, contou ela, ao Vice.
Ao mesmo tempo, a opção de apostar no seu lado lutadora, desenvolvido desde os 8 anos no caratê – hoje é 3º dan na faixa preta – e com algumas experiências internacionais, martelava sua mente.
Alex Chambers  2“Quando comecei a lutar mais a sério, eu larguei tudo”, contou ela, ao Courier Mail. “O plano original era ser uma engenheira, trabalhar com robótica. Mas, ao mesmo tempo, eu competia internacionalmente no caratê. Quanto mais longe eu ia, mais deixava os estudos em segundo plano. Mas, ainda gostava de física e astronomia, então, peguei meu diploma, apesar de querer apenas lutar MMA.”
Hoje, Chambers treina nos Estados Unidos, na American Top Team, ao lado de nomes como a brasileira Amanda Nunes. Ainda assim, é azarão contra Paige Vanzant, a loirinha de apenas 21 anos que já é sensação na categoria palha.
“Em toda a minha carreira, nunca fui a favorita. Isso não me pressiona”, afirmou ela, que tem buscado um retorno às suas raízes de carateca e focar menos no muay thai. “Veja o que Lyoto Machida faz. Quero voltar a usar minha arte marcial.”
Alex Chambers  3

2 comentários:

  1. CriaGyn diz:

    Delicia

    Zé Bastés diz:

    Ao invés de construir, agora vai destruir...

Postar um comentário