sábado, 19 de dezembro de 2015

Amber Rose posa como ícones sagrados do feminismo internacional em ensaio e causa polêmica

Por Zém - Conhecida por selfies picantes e postura provocante, a modelo, cantora e atriz Amber Rose posa como ícones feministas em ensaio e causa grande polêmica.
Para celebrar o lançamento do seu livro “How To Be a Bad Bitch” ("Como ser uma garota vagabunda" (em uma tradução livre) – algo como uma espécie de manifesto feminista, a revista Paper convidou  Amber para um ensaio fotográfico, onde a beldade encarna importantes mulheres do movimento feminista internacional.
Nas imagens Amber aparece com roupas que lembram o visual de Rosie the Riveter, aquela mulher do pôster “We Can Do It!” (Nós podemos fazer isso), com a tradicional máscara usada pelas russas do grupo feminista russo Pussy Riot, como Gloria Steinem e Dorothy Pitman (que tiveram grande importância na luta dos direitos civis e políticos para as mulheres), Marlene Dietrich (atriz e cantora alemã) e Susan B. Anthony.
Amber Rose com Pussy Riot Como Gloria Steinem e Dorothy
Como Marlene Dietrich
Como Susan B. Anthony
Amber Rose como ela mesmo