terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Netflix já incomoda TV paga no Brasil

Por Zém - O ano de 2015 serviu para que a Netflix se consolidasse, de vez, no Brasil. Com suas produções originais, como séries e filmes, a plataforma de streaming conquistou os brasileiros e tem assumido, pouco a pouco, o lugar dos canais por assinatura.

A empresa é tão bem-sucedida no País que seu presidente, Reed Hastings, chegou a dizer que o Brasil é o “foguete” da empresa. Um dos grandes sucessos neste ano é encabeçado por um brasileiro.
A série Narcos, que estreou em agosto e retrata a vida de Pablo Escobar, um dos mais célebres traficantes do mundo, traz  Wagner Moura como protagonista. Tanto a série, quanto o ator baiano, concorrem ao Globo de Ouro de 2016.
Narcos recebeu a indicação de melhor série de drama, disputando com Game of Thrones, Mr. Robot, Outlander e Empire. Já Moura, de 39 anos, concorre ao título de melhor ator em série de drama.
A empresa já anunciou a produção do thriller futurístico intitulado “3%”. Com atores nacionais e falada totalmente em português. A série está prevista para ser lançada no primeiro semestre do ano que vem. Dentre os nomes confirmados estão Bianca Comparato e João Miguel. Fonte: Jornal de Brasília

0 comentários:

Postar um comentário