terça-feira, 16 de fevereiro de 2016

Filho de Bowie diz que Gaga foi mentalmente confusa

Lady Gaga -  Bowie  - Grammy 2016 APor Zém - Duncan Jones, filho de David Bowie, criticou a performance de Lady Gaga que tinha como objetivo homenagear o falecido cantor durante o Grammy na noite desta segunda-feira (15).
Usando o significado da palavra "gaga" no dicionário inglês, o cineasta disse no Twitter que a performance da cantora pop foi "mentalmente confusa".

Duncan Jones -  filho de David Bowie"Muito empolgada ou irracional. Resultado típico de afetação ou entusiasmo excessivo, mentalmente confusa. Droga! Que palavra é essa!?", disse Duncan após o fim da apresentação da cantora no palco.
"Foi horrível, me desculpe. Gaga é talentosa, mas o tributo perdeu completamente o espírito de Bowie", opinou um fã do cantor britânico. "Me desculpe pelo que você viu, mas Bowie merecia mais", completou outro.
Lady Gaga -  Bowie  - Grammy 2016Enfim, devidamente caracterizada como Bowie, Gaga cantou diversas músicas do cantor, como Space Odity, Ziggy Stardust, Under Pressure, Let's Dance e Heroes (confira vídeo no final).

Até a tarde desta terça-feira (16) Gaga não havia comentado a crítica de Duncan. Mas o produtor Nile Rodgers – que estava no palco junto com Gaga – fez questão de defender a performance da cantora pelo Twitter. “Muitos artistas e tributos foram apresentados. Nós fizemos o que achamos certo no curto espaço de tempo que tivemos”, escreveu.

Após alguns usuários falarem que Rodgers não conhecia muito bem Bowie, ele respondeu: “Eu fiz quatro projetos com ele, incluindo o maior de todos, e tive uma grande relação com David”.

“Se ele ou eu tivéssemos dado ouvidos a todo mundo, nunca teríamos finalizado nada. Duncan tem o direito de expressar seus sentimentos e opiniões também”, concluiu a série de tuítes.
A 58ª edição do Grammy confirmou Taylor Swift e "Uptown Funk" como os vencedores das principais categorias da noite. A cantora foi a vencedora como melhor álbum do ano, com "1989", e a música de Mark Ronson e Bruno Mars foi escolhida a gravação de 2015.
Uma brasileira também foi lembrada na noite. Antes da cerimônia de premiação, "Made in Brazil", da pianista Eliane Elias, foi considerado o melhor álbum de jazz latino. Confira abaixo os vencedores nas principais categorias.
Taylor SwiftMelhor Álbum de Rap: To Pimp a Butterfly - Kendrick Lamar
Melhor Álbum Country: Traveller - Chris Stapleton
Gravação do Ano: Thinking out Loud - Ed Sheeran
Melhor Álbum de Musical: Hamilton
Melhor Performance de Rock: Don't Wanna Fight - Alabama Shakes
Melhor Artista Revelação: Meghan Trainor
Melhor Gravação de Dance Music: Where Are Ü Now – Skrillex, Diplo e Justin Bieber
Gravação do Ano: Uptown Funk - Mark Ronson
Melhor performance de grupo pop: Uptown Funk - Mark Ronson e Bruno Mars
Melhor Álbum do Ano: 1989 - Taylor Swift
Álbum Vocal Pop: 1989 - Taylor Swift
Melhor Álbum de Rock: Drones - Muse
Melhor canção country: Girl Crush - Little Big Town
Melhor álbum de Jazz Latino: Made In Brazil - Eliane Elias
Produtor do ano: Jeff Bhasker
Melhor performance solo de pop: Thinking Out Loud - Ed Sheeran
Depois de apresentar o tributo a David Bowie no Grammy Awards 2016, Lady Gaga mostrou o seu lado modelo nesta quinta-feira (18). Ela brilhou no desfile da grife do estilista Marc Jacobs na Semana de Moda de Nova York. A estrela pop surgiu na passarela com um look gótico com cabelo loiro e maquiagem marcante.

0 comentários:

Postar um comentário